Conheça a Escala Menor Harmônica

Conheça a Escala Menor Harmônica
Fala tecladista! Hoje nós vamos falar da famosa Escala Menor Harmônica. É uma escala que confere um efeito interessante nas músicas e arranjos, e tenho que confessar que eu a uso largamente nas minhas improvisações. Você vai entender o porquê ao executa-la. Realmente ela tem uma sonoridade bem interessante.
Antes de falar especificamente da Escala Menor Harmônica, preciso falar um pouco sobre a formação das escalas menores. Na teoria musical, costumamos chamar uma escala de “menor” quando ela tem o 3º (terceiro grau) reduzido meio tom, gerando um intervalo de terça menor a partir da tônica na escala. É uma característica fácil de identificar.
Por exemplo, se você pega a escala maior de dó, as 3 primeiras notas são dó, ré e mi. De dó a mi temos um intervalo de terça maior, e é isso a caracteriza como uma escala maior. Caso você queira transformar essa escala em uma escala menor, basta reduzir meio tom no terceiro grau, fazendo com que as notas sejam dó, ré e mib. Pronto, temos agora uma escala menor (ou pelo menos o início de uma).
A partir daí você seguirá para os outros graus da escala e poderemos ter várias opções de escalas menores (alterando as notas). A Escala Menor Harmônica é uma dessas opções e é ela que vamos estudar hoje.
Então, papel e caneta na mão para viajarmos pelo mundo da Escala Menor Harmônica 😉

Escala Menor Harmônica: aprenda a montar

Vamos ver como construir a Escala Menor Harmônica. Veja os graus que compõem essa escala:

1 2 b3 4 5 b6 7 8

Por exemplo, para formar a Escala Menor Harmônica de dó, seria assim:

dó – ré – mib – fá – sol – láb – si – dó

Toque a escala no teclado e ouça sua sonoridade. O que você achou?

12 Escalas

Nesse próximo tópico vamos trazer um mapa de todas as 12 escalas menores.
Isso vai te ajudar e muito na hora do aperto e de alguma situação em que você precisa dessa escala de forma rápida!
Escala de Dó

Escala de Dó sustenido

Escala de Ré

Escala de Ré sustenido

Escala de Mi
escala menor harmônica de mi
Escala de Fá

Escala de Fá sustenido

Escala de Sol

Escala de Sol sustenido

Escala de Lá
escala menor harmônica de lá
Escala de Lá sustenido

Escala de Si
escala menor harmônica de si

Como você pode usar a Escala Menor Harmônica

Como de praxe, sempre que escrevo sobre escalas aqui no Aprenda Piano eu dou algumas opções de uso para você não ficar totalmente perdido no aprendizado. Falo isso porque já passei pela dificuldade de aprender várias escalas novas e ter a mínima ideia de onde usá-las.
Assim como qualquer escala, há inúmeras possibilidades de uso e não tenho a pretensão de esgotar o assunto aqui. Longe disso! Só quero passar algumas ideias básicas de utilização da Escala Menor Harmônica.
Para começar, se você tem um acorde menor comum quando ele é o primeiro acorde do campo harmônico, é possível experimentar a execução dessa escala. Por exemplo, imagine que você tem a seguinte progressão:

Cm – G7 – Cm

Você poderia usar a escala Escala Menor Harmônica sobre o acorde de Cm em questão. Não vou me aprofundar nas razões aqui, apenas estou lhe dando a possibilidade. Agora se você tem um acorde menor com sétima maior, melhor ainda. O encaixe vai ser perfeito porque como vemos a Escala Menor Harmônica tem o sétimo grau maior. Veja:

Cm(maj7) – G7 – Cm(maj7)

Uma possibilidade de uso bem interessante é usar quando você tem uma harmonia com acordes do campo harmônico menor harmônico. Na sequência de acordes acima, você tem o G7 (sol com sétima menor) como acorde dominante dentro do campo harmônico menor harmônico. Então, você poderia usar a Escala Menor Harmônica de dó sobre o acorde de G7.
Experimente para você ver como fica.
É claro que eu tenho que alertar você que é necessário testar primeiro e não sair aplicando a escala sobre qualquer acorde menor porque pode ter certeza que em muitas ocasiões não vai encaixar. É por isso que temos lançado cursos online e materiais educativos mais completos aqui no Aprenda Piano. Justamente para você que deseja aprofundar seus estudos.
Então, a ideia aqui é apenas apresentar alguns caminhos para você, incluindo esse artigo e outros conteúdos que estaremos lançando por aqui. Mas cabe a você sentar ao piano ou teclado e experimentar. Combinado?

Acordes para você experimentar

É recomendado aplicar a Escala Menor Harmônica com alguns acordes específicos. São eles:

Cm Cm(maj7) G7(dom)

Sinta a sonoridade fazendo os acordes Cm Cm(maj7) G7(dom) com a mão esquerda (acorde cheio) e a Escala Menor Harmônica com a mão direita. O que achou?

E para finalizar…

Bem, por ora vamos ficando aqui no assunto Escala Menor Harmônica. Eu espero que você tenha gostado do artigo e possa ter aprendido algo de novo.
Quero reforçar aqui que minha pretensão não foi abordar o assunto de forma profunda, mas apenas arranhar a superfície e lhe passar uma base para conteúdos futuros aqui que lançaremos aqui no Aprenda Piano.
Por isso, é importante você continuar acompanhando as novidades diárias aqui no site. Também recomendo fortemente que você conheça nosso curso de escalas para piano e teclado que traz um estudo mais completo dos vários tipos de escala.
Forte abraço e até mais!
Ramon Tessmann

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

VAMOS APRENDER TECLADO DE FORMA EMPOLGANTE?

Destrave o seu talento musical com este guia completo!

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo

Ramon Tessmann

Desde o início de sua trajetória, Ramon se mostrou inconformado com seu aprendizado musical. Começou sua carreira em 1991 e alcançou crescente notoriedade através de sua escola Aprenda Piano, que conta hoje com mais de 20 mil alunos em 17 países. Depois de longos anos, sua busca incessante originou um método de ensino musical de alto resultado que ele compartilha no treinamento Extraordinários.

Matriculas Abertas!

Inscreva-se no curso Extraordinários