Foque No Que Você Pode Controlar

JUNTE-SE A MILHARES DE PESSOAS

Receba devocionais de sabedoria direto em seu email. É 100% grátis!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Lembro de uma coisa que aprendi, antigamente quando viajava de avião eu ficava muito ansioso, muito preocupado.

Tinha muito medo e toda vez que entrava no avião eu ficava muito preocupado. Olhava para asa, procurava saber quem era o piloto, observava as aeromoças para ver se tinha alguém nervoso. Era um mau hábito que eu tinha.

Eu ficava tão preocupado, tão ansioso quando entrava em um avião que esquecia de apertar o meu próprio cinto. Quando eu percebia estava ouvindo os avisos para apertar os cintos e muitas vezes chegava a perder as instruções de segurança.

Com o tempo eu fui perdendo esse medo.

Comecei a entrar nos aviões e a prestar atenção de fato naquilo que estava sob o meu controle: o meu dever como passageiro, que era sentar na poltrona, apertar o cinto e prestar atenção nas instruções de segurança.

Isso me ensina muito sobre os problemas e as situações da vida. Quando tentamos sempre controlar aquilo que não está sob o nosso controle, parece que tentamos sempre ultrapassar o limite daquilo que podemos controlar, tudo para tentar controlar ou mesmo influenciar algo ao nosso favor.

Vou dar um exemplo: essa Pandemia que estamos vivendo.

Muita gente ficou desesperada. Se viram sem chão, sem controle nenhum da sua própria vida. De fato, havia muita notícia e as perguntas que ficavam eram: onde essa Pandemia vai parar? Como vai ficar a economia e os empregos? Quem vai ficar vivo e quem não vai?

Muitos “pegaram” pensamentos errados.

As pessoas estavam tão vidradas, tão influenciadas pelas notícias e pelo que poderia acontecer, que muitas acabaram deixando de viver a sua própria vida, aquilo que poderiam controlar.

Foi então que muita gente se lançou no sofá ou na cama com depressão. Outras pararam de trabalhar com excelência, outras ainda tornaram seus relacionamentos piores, tanto que estamos acompanhando um número crescente de divórcios e brigas.

Isso me ensina que, às vezes na nossa vida, quando focamos muito naquilo que não podemos controlar, acabamos prejudicando aquilo que de fato podemos controlar, aquilo que está sob nossa responsabilidade.

Muitas vezes, quando vamos ajudar uma pessoa queremos que a pessoa tome as decisões que nós tomaríamos, e não queremos apenas ajudá-las até o limite da nossa ajuda. Queremos fazer ainda mais, queremos controlar muitas vezes a vida da pessoa e isso é uma falta de respeito, além de causar frustração.

Nós devemos ajudar as pessoas, devemos ir até onde podemos controlar, mas vai ter respeitando um determinado limite, onde a pessoa vai ter que tomar a decisão de controlar sua vida. Então, só podemos ajudar até onde esse limite chega.

Isso é para qualquer problema na sua vida. Se apareceu algo que você não pode controlar, que não está sob sua responsabilidade de resolver, simplesmente deixe isso para lá, ou aprenda a se adaptar a essa situação e foque naquilo que você pode fazer.

Nessa época de Pandemia eu tenho uma família para cuidar, tenho esposa, uma filha para criar, tenho uma igreja, uma empresa com funcionários e amigos. Tenho muitas pessoas que, com Pandemia ou sem, eu posso ajudar. Tenho muitas tarefas que, com Pandemia ou sem, eu posso fazer.

É um tempo de adaptação, assim como entrar em um avião é uma adaptação, onde mesmo dentro dele e com pouco controle sobre a sua vida é preciso relaxar. Temos que sentar na poltrona e pensar assim: não há nada que eu posso fazer se acontecer um problema mais sério com esse avião. Portanto, não vou ter medo, não vou ficar tentando resolver algo que não pode ser resolvido por mim.

Quando temos esse pensamento, acabamos descansando. Descansando dessa forma acabamos crendo e reconhecendo que tem alguém Soberano nessa história. Alguém que conduz a história por completo e que está cuidando de todas as coisas. Não podemos esquecer que Ele também cuida das nossas vidas.

Na maioria das vezes não é assim que fazemos, tentamos cuidar até mesmo das coisas que Deus está cuidando, tentamos fazer e tomar decisões pelas pessoas que elas mesmos deveriam tomar.

Minha recomendação para você hoje é: cuide da sua vida, cuide daquilo que você pode fazer pelas pessoas, cuide do que você pode controlar.

O que você acha disso?

Deus te abençoe,
Ramon

DESCUBRA O QUE A BÍBLIA FALA SOBRE SEPARAÇÃO E DIVÓRCIO

Livro gratuito por tempo limitado. Aproveite e baixe agora!

Gostou do vídeo? Deixe seu comentário abaixo